Biografia Shaaman por FT FC


Apesar de ter sido formado há menos de cinco anos, o Shaaman já goza de enorme prestígio e é uma das maiores bandas do Heavy Metal nacional da atualidade. A banda surgiu no segundo semestre de 2000, quando os experientes e renomados músicos Andre Matos (vocal e teclado, ex-Viper), Luis Mariutti (baixo, ex-Firebox) e Ricardo Confessori (bateria, ex-Korzus) deixaram o Angra após três álbuns de estúdio – “Angels Cry” (1993), “Holy Land” (1996), “Fireworks” (1998) – e diversos EPs, singles, além de várias turnês pelo mundo. Na época sem guitarrista, Hugo Mariutti (guitarra – Henceforth) foi chamado inicialmente apenas para auxiliar nas composições, o resultado foi tão positivo e inesperado que terminou por incorporar-se à banda, encaixando-se perfeitamente na sonoridade e estilo pretendida pelos demais integrantes.

Com a banda finalmente completa, o “Shaman” trabalhou para tornar-se conhecido e firmar seu nome dentro da música. Iniciou suas atividades com uma turnê de estréia que passou pela Europa e América Latina (França, México, Argentina, Chile e Brasil) causando grande receptividade de crítica e de público. Para executar os teclados ao vivo a banda contou com o renomado músico Fábio Ribeiro (Blezqi Zatsaz, ex-Angra, A Chave do Sol, Desequilíbrios, III Milênio, Clavion, Anjos da Noite e Overdose).

O nome Shaman que significa “aquele que enxerga no escuro”, é representado de maneira geral pelos sacerdotes que curam através dos elementos da natureza. De origem Siberiana os shamans ganharam o mundo e disseminaram-se em praticamente todas as culturas. No Brasil os shamans – também grafado como xamãs – são representados principalmente pelos pajés indígenas.

Abraçando um estilo que mescla heavy metal, música clássica e World Music, a banda deu início às gravações de seu primeiro álbum, intitulado “Ritual” em janeiro de 2002. O disco foi inteiramente gravado na Alemanha, com exceção de algumas participações especiais que foram registradas no Brasil e EUA. A produção ficou a cargo do renomado produtor e multi-instrumentista Sascha Paeth (Angra, Edguy, Rhapsody, Virgo).

“Ritual” foi muito bem recebido no Brasil e em todo mundo, sendo lançado em mais de 15 países. A “World Ritual Tour” seguiu-se logo após seu lançamento e mostrou que boa música atrai o seu público onde quer que seja. Em um ano e meio de turnê o “Shaman” passou por diversos lugares do Brasil, Ásia, América Latina e grande parte do continente europeu. Foram mais de 130 shows neste período, alguns reincidentes.

Durante o ano de 2003, o “Shaman” esteve nos primeiros lugares das votações da mídia especializada, e a grande surpresa foi ter “Ritual” eleito como o melhor disco de 2002 pelos leitores da Folha de S. Paulo, veículo o qual abrange uma gama extensa de estilos músicas.

Este feito se repetiu em 2004, com a banda liderando esmagadoramente os rankings de rock pesado em todas as categorias e consagrando-se ainda mais após a abertura do show do Iron Maiden no estádio do Pacaembu em São Paulo, para cerca de 45.000 pessoas.

O lançamento do DVD/CD “RituAlive”, gravados ao vivo no Credicard Hall com a participação de vários convidados especiais (Tobias Sammet, Marcus Viana, Andi Deris, Sascha Paeth, George Mouzayek e Michael Weikath), foi coroado com as melhores críticas e é o maior fenômeno de vendas já visto no segmento. Segundo o diretor da Universal Music do Brasil, “RituAlive” é o melhor DVD do gênero lançado no país devido à qualidade e conteúdo.

Expectativa, essa é a palavra que retrata o início de 2005 para o “Shaman”. Com o segundo álbum de estúdio praticamente finalizado e pronto para o lançamento a banda anuncia uma mudança no nome. Buscando evitar possíveis problemas jurídicos, a banda decide acrescentar um “A” em seu nome e passa a chamar-se Shaaman. A mudança ocorreu após a consulta e orientação de um verdadeiro xamã, que afirmou: “O significado e a pronuncia do nome continuam os mesmos!”

Nos meses seguintes chega às lojas “Reason”. Com uma pegada bem mais direta, o novo álbum mostrou uma banda muito mais madura e segura, sem medo de quebrar rótulos e inovar.

Andre Matos agora com um vocal mais agressivo, Hugo Mariutti enveredando-se pelas guitarras densas e pesadas, e a cozinha de Ricardo Confessori e Luis Mariutti muito mais coesa e trabalhada. O resultado de “Reason”, que foi novamente gravado na Alemanha pelo produtor Sascha Paeth, é o resgate de todo o peso, feeling e espírito do heavy metal dos anos 80’. Enquanto “Ritual” privilegiava a inegável virtuose dos músicos, “Reason” abriu espaço para a alma e o coração da banda. A música ficou mais orgânica, o que ajudou a evidenciar o contraste entre guitarras pesadas, teclados repletos de ‘climas’ e batidas tribais de World Music.

“Innocence”, música de trabalho e primeiro single de “Reason” chega às rádios e logo divide o ranking entre as mais pedidas do país. O sucesso se repete na TV com a estréia do clipe e nos shows com o início da turnê que segue pelo mundo…

About Janus

Janus Aureus is my recently-inaugurated personal blog (written in portuguese, but with some texts in english as well). Fiore Rouge is my old (but still very active - in fact, more than Janus :P) blog (I started it back in 2005). Mentalize is a fan-made website (since 2005). if you wish to contact me for any reason, visit my blog and leave a comment OR see email above (top left) - no, my name's not Andre - actually, I'm not even a guy! LOL Long story... O Janus Aureus é meu blog pessoal - escrito em português - ainda sem muito conteúdo, pois foi começado no final de dezembro de 2011. Já o Mentalize foi aberto em 2005 e está escrito em várias línguas *rs* Privilegio o uso do inglês ali porque o pessoal estrangeiro não tem muitas informações sobre o AM. Quem quiser entrar em contato comigo por qualquer motivo, deixe um comentário nos meus blogs ou use o email que está aí em cima à esquerda (e não, eu não sou o Andre - aliás, sou mulher!).

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s