Shaaman, Scelerata e Magician (Auditório Araújo Viana, Porto Alegre)


Por Paulo Finatto Jr. | Publicado em 10/04/05
 

Um domingo quente que estava marcando de uma vez por todas o início da World Reason Tour, turnê em que a banda Shaaman está divulgando o seu mais recente disco, “Reason”. Críticas e comentários sobre este novo disco você pode conferir na resenha do meu amigo Maurício Gomes Angelo, que detalhou muitíssimo bem quais são as novidades nesta nova fase da banda e as suas intenções com este novo álbum, que eu, sinceramente, pouco conhecia até o dia do show. Mas por falar em show, vamos direto ao assunto.

Sem muito atraso a primeira banda a entrar no palco foi a gaúcha Magician, que já está a algum tempo mostrando o que virá em seu primeiro disco, já sendo gravado e com lançamento a cargo da Megahard Records. É heavy metal direto, com algumas doses de experimentalismos progressivos e dotes melódicos. Dan Rubin (vocal), Renato Osorio e Cristiano Schmitt (guitarras), Elizandro Max (baixo) e Zé Bocchi (bateria) em pouco mais de meia hora desfilaram apenas uma música da sua conhecida demo “Brief Magic Story” (a faixa intitulada “Prime Evil” que abriu o show), passando por músicas de destaque como “Underworld Terror”, “Reach Out for the Light” (cover do Avantasia) e as duas ótimas “Minstrel’s Domain” e “Siege of Zelgian”. Realmente a Magician comprova a cada show ser um destaque à parte da cena gaúcha. Site oficial: http://www.magician.com.br.

Na seqüência veio outra banda gaúcha de renome, a Scelerata. Carl Casagrande (vocal), Bruno Sandri (guitarra), Magnus Wichmann (guitarra, ex-Holyfire), Gustavo Strapazon (baixo) e Francis Cassol (bateria) apresentaram pela primeira vez a nova fase da banda, após a fusão com a extinta banda Holyfire. Um show impecável, mas assim como a primeira banda que se apresentou, um pouco prejudicado pelo som do Auditório Araújo Viana, ainda um pouco embolado e sendo ajustado para o show principal da noite. Destaque para as composições “Holyfire”, “My Paradise”, o cover para Flight of Icarus (Iron Maiden), a nova “Wings to Fly” e “Adonai”. A Scelerata também já está preparando o seu primeiro CD, para sair em breve. Site oficial: http://www.scelerata.com.

Começando por volta das 22h40 o show do Shaaman abriu com “Turn Away”, para mim uma das melhores músicas deste novo disco. Por ser pesada, perfeita para a abertura dos shows desta nova turnê. Um público que certamente estava perto de duas mil pessoas, na sua maioria esmagadora jovens, curiosamente já tinha na ponta da língua algumas letras deste novo CD. Com um som já regulado e em um volume agradável tratando-se de heavy metal, a apresentação de Andre Matos (vocal), Hugo Mariutti (guitarra), Luis Mariutti (baixo), Fabio Ribeiro (teclado) e Ricardo Confessori (bateria) deu ênfase para os dois discos da precoce carreira do Shaaman, trazendo do “Ritual” as músicas “Distant Thunder”, “Time Will Come”, “For Tomorrow”, “Pride” e a própria “Ritual”, deixando para o bis “Here I Am”. Nem preciso falar que todos agitaram demais nestas músicas, talvez o “Ritual” por completo seja o ponto mais alto de qualquer show futuro do grupo… Já quanto ao novo material, ainda pudemos conferir “Innocence” (a balada e novo ‘hit’, com certeza), “Trail of Tears”, “Reason”, “Scarred Forever” e “Iron Soul” (outro grande destaque), que fechou a apresentação antecipadamente.

Antecipadamente? Exatamente. A banda ainda tinha previsto cerca de 25 minutos de show quando a administração do Araújo Viana decretou o fim do espetáculo. Ficou realmente a impressão que faltou algo, mas isto não chega a ser um fator comprometedor para tornar a apresentação ruim. Pelo contrário, acho que todos saíram do Araújo Viana com a sensação de desejo saciado e dever cumprido. Parabéns à produção independente deste grande show, que ficou a cargo da Abstratti Produtora. E um parabéns especial para o público gaúcho, que comprovou ser um dos melhores do país.

http://whiplash.net/materias/shows/001219-shaman.html

 
 

About Janus

Janus Aureus is my recently-inaugurated personal blog (written in portuguese, but with some texts in english as well). Fiore Rouge is my old (but still very active - in fact, more than Janus :P) blog (I started it back in 2005). Mentalize is a fan-made website (since 2005). if you wish to contact me for any reason, visit my blog and leave a comment OR see email above (top left) - no, my name's not Andre - actually, I'm not even a guy! LOL Long story... O Janus Aureus é meu blog pessoal - escrito em português - ainda sem muito conteúdo, pois foi começado no final de dezembro de 2011. Já o Mentalize foi aberto em 2005 e está escrito em várias línguas *rs* Privilegio o uso do inglês ali porque o pessoal estrangeiro não tem muitas informações sobre o AM. Quem quiser entrar em contato comigo por qualquer motivo, deixe um comentário nos meus blogs ou use o email que está aí em cima à esquerda (e não, eu não sou o Andre - aliás, sou mulher!).

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s